Estudo de caso: uso de vidros refletivos

| PKO do Brasil | ,

Estudo de caso: uso de vidros refletivos

Vidro laminado refletivo

Saiba quais as características e benefícios de utilizar os vidros refletivos em seus projetos

Os vidros refletivos tornaram-se tendência na arquitetura e design de interiores por suas características estéticas e de controle térmico e luminoso. Por esse motivo, a procura pelos vidros de controle solar cresceu não apenas para uso em fachada de vidro, mas também para obras residenciais e de decoração.

Confira neste post as principais características do material e quando suas funcionalidades podem ser melhoradas em cada projeto. Apresentaremos também um estudo de caso com o uso do vidro laminado refletivo para melhor exemplificação.

O Vidro Refletivo

Também conhecidos por vidros de proteção solar, são formados pela deposição de óxidos metálicos em sua superfície, que conferem maior conforto térmico e controle da luminosidade aos ambientes.

Os vidros refletivos podem receber os mais diversos beneficiamentos, podendo ser utilizados como monolíticos, temperados, laminados ou insulados, ofertando assim maior flexibilidade aos projetos.

Obra Amazônia usa mais de 11 mil metros de vidro refletivo

A construtora MPD utilizou mais de 11 mil metros de vidro Laminado Refletivo Prata 10 milímetros em sua obra Amazônia, localizada em Barueri – São Paulo. O objetivo inicial era barrar a entrada de calor para dentro do ambiente e a equipe de especificação técnica da PKO ajudou a sugerir o melhor produto por suas características e, consequente, economia de energia.

Saiba mais sobre este projeto incrível no canal do Youtube da MPD clicando aqui.

Veja a seguir os principais benefícios do uso dos vidros refletivos:

Leia também:  Armazenamento de vidros e transporte: assista às dicas

Controle do calor

Os vidros refletivos têm essa característica por refletirem parte da passagem dos raios do Sol para fora do ambiente, diminuindo a entrada de calor para dentro do local. Os níveis de proteção térmica variam conforme a cor dos materiais e podem ser potencializados pelos beneficiamentos recebidos.

Controle da luminosidade

Dependendo das características do local, o vidro refletivo pode ser utilizado para controlar a luminosidade para dentro dos ambientes, podendo ser mais neutro, deixando maior quantidade de luz passar (para ambientes que requerem maior luminosidade como salas de aula, bibliotecas ou laboratórios por exemplo), ou mais refletivo, deixando menor quantidade de luz entrar.

Aparência estética diferenciada

Os vidros refletivos podem ser encontrados nas cores azul, verde, incolor, cinza, bronze e dourado, tendo aparência mais neutra ou mais refletiva. A diferenciação na aparência mais refletiva em relação aos outros tipos de vidro permite o uso em pele de vidro sem que os perfis sejam vistos e serve também como revestimento de vigas e pilares com pouco ou nenhum acabamento fino.

Privacidade

Permite a aplicação para se obter privacidade durante o dia, já que a luminosidade interna é bem menor do que a luminosidade externa. A noite, o efeito se inverte, porém é possível ainda manter boa parte da privacidade neste período com um jogo de iluminação externa (holofotes voltados para o vidro) e combinação com vidros de massa colorida em guaritas ou residências, por exemplo.

Grandes dimensões disponíveis

Diferentemente da película de controle solar, o vidro refletivo tem maior durabilidade e dimensões mais amplas, podendo ser utilizada em projetos que utilizem vidros para fechar grandes vãos.

Mito ou Verdade: Vidro refletivo pode ser perigoso?

Recentemente um edifício em Londres (Walkie Talkie) foi destaque no mundo inteiro por usar vidros refletivos que acumulavam a energia do Sol e refletiam em pontos específicos da cidade, “fritando” carros, objetos e até mesmo pessoas que passavam na região. Porém, o feito foi causado não pelo vidro em si, mas pelo formato convexo da fachada que concentrava a energia do Sol num único ponto, sendo um erro de projeto e de especificação e não um problema atribuído especificamente ao vidro. Saiba mais nesta reportagem da Revista Vidro Impresso.

Leia também:  Como especificar o tipo ideal de vidro

Aposte em valor agregado

Os vidros refletivos são excelente opção para agregar valor as soluções oferecidas ao cliente final. Por isso, contar com fornecedores aptos a fazer os cálculos de desempenho conforme solicitação e expectativas pode aumentar a lucratividade das empresas de esquadrias.

Conheça nosso Portal Técnico onde você encontra o Simulador de Controle Solar, podendo simular o melhor vidro para cada tipo de ambiente em diferentes climas do Brasil, e ainda ver em 3D a simulação do vidro aplicado em um dia Nublado, Ensolarado ou por dentro!

eBook

Diferencial do Vidro

Saiba diferenciar cada produto em seu projeto

Conteúdos Exclusivos

Preencha para receber conteúdos exclusivos da PKO do Brasil
PKO do Brasil
PKO do Brasil
🍷 Manual do Vidro para Adegas: Conheça o tipo de vidro que deve ser utilizado, instalação, normas técnicas, climatização, iluminação e modelos de adegas. Download grátis❗️ ➡️ https://bit.ly/2UCNXza
PKO do Brasil
PKO do Brasil
Tudo o que você precisa saber para vender vidros com excelência ⤵️

1️⃣ Mercado e Concorrência
2️⃣ Fornecedores
3️⃣ Cliente e o Funil de Vendas
4️⃣ Orçamento e Visita Técnica
5️⃣ Realização dos Serviços e como Agregar Valor
6️⃣ Marketing Digital

➡️ Download grátis: https://bit.ly/vender-vidros
Calculadora de Espessura de Vidros
Calculadora

Calculadora de Espessura de Vidros

Você pode calcular a espessura de todos os vidros de acordo com a região da obra, tipo de topografia, obstáculos da área, andar da aplicação ou pressão do vento.
Vidro Acústico
eBook

4 passos para definir seu vidro acústico

Selecionamos 4 passos para te ajudar a escolher a melhor solução em vidro acústico de acordo com sua necessidade.